TÉCNICOS DA EMATERCE CONCLUEM CURSO DE FORMAÇÃO

10/09/2019

Realizado numa parceria entre a Ematerce e a Anater, o curso teve como objetivo qualificar os técnicos para atuar no projeto Dom Helder Câmara no estado cearense

Técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Ceará (Ematerce) concluíram, na última sexta-feira (06), o curso de formação para atuar no projeto D. Helder Câmara. O curso foi realizado pela Ematerce em parceria com a Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater) e contou com a participação de 43 técnicos, entre veterinários, engenheiros agrônomos e tecnólogos.

Durante a solenidade de encerramento, o presidente da Ematerce, Antônio Amorim, destacou a importância da qualificação dos técnicos para a execução do projeto. “O Ceará é referência para a Anater quando o assunto é o atendimento técnico às comunidades e produtores rurais beneficiados pelo projeto D. Helder Câmara, por isso temos um importante compromisso de resultado com o projeto, com as comunidades e com a Anater, na efetivação do papel dessa política pública que garante inclusão econômica e social para as famílias”, concluiu Amorim.

Para viabilizar a capacitação, a Anater disponibilizou a programação e o conteúdo a ser abordado, materiais e orientações. Com duração de 40 horas, além das aulas presenciais foram realizadas aulas a distância para treinamento no Sistema de Gestão de Ater, o SGA, e tutoriais em vídeo como aulas de apoio, visando facilitar a compreensão e conferir maior qualidade nas execuções das atividades e no preenchimento dos formulários no sistema.

Para o técnico em Agropecuária Kelvy Tavares, o curso possibilitou o alinhamento das informações, de como usar corretamente o sistema para o diagnóstico e no atendimento efetivo às famílias. “A gente já tem um conhecimento das características e do perfil das famílias assistidas, e o curso trouxe informações que vão contribuir para melhorar o nosso trabalho”, explicou Kelvy, que já atuou em programas como o Garantia Safra e Hora de Plantar na região cearense do Cariri.

Joyce Alves, também técnica em Agropecuária, ressalta que o aprendizado durante o curso vai facilitar o trabalho que a equipe técnica da Ematerce vem desenvolvendo no município de Jati/CE. “O aplicativo que utilizaremos vai facilitar o atendimento às famílias que acompanhamos no município, em projetos como avicultura, suinocultura e horticultura, qualificando nossos relatórios e análise de resultados”, avalia.

D. Helder Câmara 
Realizado pelo Governo Federal em parceria com o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), o projeto D. Helder Câmara tem como objetivo contribuir para a melhoria sustentável das condições sociais e econômicas das famílias que vivem em condição de pobreza ou extrema pobreza no Semiárido. A Anater é parceira na execução do projeto e coordena as ações do eixo assistência técnica e extensão rural.

Em sua segunda fase, o projeto   está beneficiando agricultores dos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe (Nordeste), Minas Gerais e Espírito Santo (Sudeste).

No Ceará, as ações do projeto D. Helder Câmara integram 85 municípios cearenses, beneficiando 5.641 mil famílias, entre agricultores familiares, povos e comunidades tradicionais e assentados da reforma agrária, que recebem serviços de assistência técnica e extensão rural, fomento produtivo (individual e coletivo) e fomento para alimentação animal.
 

Com informações da Ematerce
Foto: Aécio Santiago

 

Jerúsia Arruda
Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater)
Assessoria de Comunicação Social
Contatos: (61) 3251-5814 / 99690-7775 - ascom@anater.org
Facebook: www.facebook.com/anater.org
Twitter: https://twitter.com/Anaterorg
Instagram: www.instagram.com/anaterorg

 

Incentivando a Inovação & Maximizando a Produtividade