Projetos da Anater beneficiam agricultores mineiros

06/07/2018

Com investimento de mais de R$ 44,5 milhes, projetos potencializam a assistncia tcnica e fortalecem a produo da agricultura familiar do estado

Foto: Emater-MG

Os projetos desenvolvidos pela Agência Nacional de Assistência Técnica Extensão Rural (Anater) estão possibilitando o fortalecimento da assistência técnica e extensão rural (Ater) para milhares de agricultores familiares de Minas Gerais.

Somente neste ano, já foram iniciados três projetos, em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), que estão beneficiando 4.595 famílias de agricultores, com investimento de mais de R$ 11,3 milhões, recursos do Governo Federal, repassados à Anater através da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead). Os recursos são liberados para o estado conforme a execução e cumprimento das metas.

Além da parceria com a Emater-MG, a Anater também está realizando chamadas públicas para contratação de entidades prestadoras de Ater, ampliando ainda mais o acesso a um serviço técnico orientado e qualificado para apoiar ações de combate à pobreza e promover o desenvolvimento rural sustentável. Através das chamadas, o investimento é de mais R$ 23 milhões                   no estado.

O presidente Valmisoney Moreira Jardim, destaca que as ações da Anater vão qualificar ainda mais o serviço de Ater no estado mineiro. “A extensão rural é um serviço, ao mesmo tempo, desafiador e muito gratificante, porque permite levar qualidade de vida para a pessoas, através do trabalho dos nossos técnicos, dos extensionistas. Temos várias entidades de Ater no país, públicas e privadas, e algumas são pioneiras, a exemplo da Emater-MG, e é finalidade da Anater cuidar da extensão rural brasileira, por isso temos firmado parceria com essas entidades, visando fortalecer ainda mais o trabalho que elas realizam, contribuindo para a qualificação da produção da agricultura familiar no país. Aqui destaco os projetos que estamos realizando em parceria com a Emater-MG, cujo trabalho junto aos agricultores familiares é referência nacional”, explica.

Segundo o presidente, a Ater tem um papel integrador, conferindo mais efetividade às demais políticas públicas para o meio rural. “Por isso estamos investindo em projetos que contemplam os diversos públicos, de forma especial àqueles que vivem em situação de vulnerabilidade social e que mais necessitam de apoio técnico e socioeconômico, que são os produtores que vivem no Semiárido, e boa parte desse público está em Minas Gerais”.

Parceria com a Emater-MG

Realizados em parceria entre a Anater e a Emater-MG, os projetos Piloto e D. Helder Câmara integram 3.795 famílias de agricultores de 158 municípios, em sua maioria, na região de abrangência da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

Também está sendo realizado, em parceria com a Emater-MG, o projeto de fortalecimento da Ater nos perímetros irrigados do Jaíba e Gorutuba, integrando 800 agricultores familiares, sendo 600 no Jaíba e 200 no Gorutuba.

A parceria entre a Anater e a Emater-MG também vai beneficiar 1.500 agricultores familiares produtores de leite, 300 produtores de queijo cabacinha e 300 produtores de agroecologia, em diferentes regiões do estado, além de 44 organizações, através do projeto Mais Gestão. Para esses projetos, os planos de trabalho estão em fase de elaboração, com previsão de início para ainda este ano, com investimento de cerca de R$ 10 milhões.

Em todos os projetos, as famílias beneficiadas receberão acompanhamento técnico até 2020. Para executar as ações, 382 extensionistas da Emater-MG já passaram por cursos de formação, se qualificando para levar ao campo a proposta da Anater, que possui um viés no desenvolvimento comunitário sustentável, visando gerar conhecimento dentro da própria comunidade. “Essa nova forma de assistência possibilita que a Anater leve para o campo uma nova estrutura, elevando a abrangência e a qualidade da assistência a ser ofertada aos agricultores e suas organizações econômicas”, ressalta o presidente.

Chamadas públicas

Minas Gerais também está contemplada nas chamadas públicas que estão sendo realizadas pela Anater, para contratação de entidade para execução de serviços de Ater. Os três editais em curso destinam R$ 23.180.457,52 para o estado mineiro.  

A chamada pública no âmbito do projeto D. Helder Câmara integra 82 municípios mineiros e vai beneficia 4.565 famílias de agricultores em situação de pobreza rural, sendo que 1.025 destas famílias também receberão recurso do Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais, do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

Minas Gerais também está contemplada na chamada pública no âmbito do Programa Nacional de Crédito Fundiário, beneficiando 450 famílias de agricultores, visando a promoção da agricultura familiar sustentável.

O estado mineiro também está inserido na chamada pública no âmbito do programa Mais Gestão, que irá beneficiar 69 empreendimentos da Agricultura Familiar, que receberão acompanhamento técnico visando o aprimoramento gerencial e sua inserção no mercado.


Jerúsia Arruda
Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater)
Assessoria de Comunicação Social
Contatos: (61) 2020-0905 / 99241-3607 - ascom@anater.org
Facebook: www.facebook.com/anater.org
Twitter: https://twitter.com/Anaterorg
Instagram: www.instagram.com/anaterorg

 

Incentivando a Inovao & Maximizando a Produtividade